Archive for : abril, 2017

post image

5 mudanças que você pode fazer em qualquer casa alugada

Pintar as paredes, pendurar um quadro para dar mais personalidade e perfumar os ambientes deixarão o espaço mais aconchegante

 1. Pintar tudo

Uma camada de tinta pode renovar completamente os ambientes e não se restrinja a pintar apenas as paredes. Tetos, pisos, armários e qualquer outra superfície pode ser candidata a uma renovação com tinta (se for permitido pelo locatário). A dica do profissional é testar se o tom que você quer fica bom nas condições de iluminação que você tem na sua casa alugada.

 2. Dê atenção especial aos pisos

Os pisos de uma casa fazem grande diferença no todo da decoração. Eles têm um forte impacto e vale dar uma atenção especial a eles quando se mudar para um apartamento alugado. Uma das boas soluções é usar tapetes para disfarçar qualquer imperfeição. Além disso, eles ajudam a definir áreas nos cômodos e ancoram os móveis. E o melhor é que, ao se mudar, você pode levá-los com você.

 3. Simule uma vista

Para melhorar a vista da casa, coloque na beira da janela vasos com plantas diversas. Isso ajuda a criar uma sensação de que se está rodeado por vegetação mesmo estando em uma metrópole de concreto. Espelhos também são uma boa saída para ajudar a dar a sensação de amplitude e refletir a claridade das janelas.

4. Determine um ponto focal (ou crie um)

Considere o que você vê assim que entra em seu apartamento ou casa. Uma parede em branco é a oportunidade de criar um foco com um quadro ou uma coleção de objetos. Qualquer arte é capaz de adicionar personalidade instantânea a um espaço. Esses pontos focais também podem ajudar a distrair a atenção para coisas que não estejam nos conformes.

 5. Perfume o ambiente

Há algumas coisas que serão impossíveis de mudar na sua casa alugada. “Mas se você se lembrar do poder dos cheiros, o mais primitivo dos sentidos, poderá transformar qualquer espaço em um lugar aconchegante”, diz Marshall. Aposte em velas perfumadas ou em aromatizadores com fragrâncias suaves. Flores que exalam perfume também são uma boa opção.

Fonte: casaclaudia

post image

7 coisas que você nunca deve ter no quarto

Veja quais itens devem ser evitados dentro do quarto para não prejudicar a qualidade do seu sono

Dormir é muito importante, tanto por ser algo gostoso de se fazer, como por ser essencial para o bom funcionamento do organismo. Por isso, é necessário criar um espaço relaxante e acolhedor para garantir uma boa noite de sono.

dormir

Confira agora uma lista com sete coisas no seu quarto que podem perturbar a qualidade do seu sono:

1. Animais de estimação

Pesquisas apontam que 30% daqueles que dividem seus quartos com os bichinhos de estimação acabam acordando pelo menos uma vez durante a noite por causa dos pets. Então, é melhor que cada um tenha o seu próprio espaço para que ambos durmam tranquilos.

2. Comida

Comer no quarto manda um sinal errado para o seu cérebro e ao invés dele entender que deveria dormir, ele acaba associando o espaço como um lugar de se alimentar.

3. Trabalho

Em casas pequenas, é comum montar um escritório dentro do quarto, mas isso é péssimo. Na hora de dormir, é importante que seu corpo e mente relaxem e ficar lembrando do trabalho e das obrigações, pode te deixar agitado.

4. Celulares e equipamentos eletrônicos

As luzes das telas diminuem a produção de melatonina, também conhecido como hormônio do sono, responsável por fazer todos nós dormirmos. Isso sem contar, os sons de notificação ou vibrações dos celulares que podem te incomodar no meio da noite.

5. Cores fortes

As cores influenciam o estado de espírito e cores mais vibrantes, como vermelho, laranja e rosa forte, costumam nos deixar agitados, o que é exatamente o contrário do que se quer quando estamos prontos para dormir.

6. Mobiliário excessivo

Muitos móveis, objetos decorativos e acessórios podem tornar o quarto inquietante por parecer menor e mais apertado. É difícil relaxar em meio à bagunça e desordem.

7. Luzes brancas e azuis

Lembra aquela história das telas dos celulares? Então, a mesma coisa vale para as luzes brancas e azuis. O ideal é investir em luzes amareladas, já que elas estimulam o cérebro a produzir mais melatonina.

Fonte: casaclaudia

post image

Casas que passam uma boa impressão tem 5 coisas em comum

A primeira impressão é a que conta, principalmente quando o assunto é visitas em casa. Aprenda a impressioná-las aliando seu décor a esses cinco truques básicos

De acordo com alguns experts de design e arquitetura, existem cinco elementos chave que, usados com sabedoria, impressionam os convidados. São mudanças simples e muitas podem ser feitas em poucos minutos. Então já viu: não há motivos para não fazê-las

1- Uma entrada estilosa

Ninguém gosta de entrar em um lugar novo e encontrar espaços vazios ou bagunçados demais. Portanto, mesmo que o visitante vá passar rapidamente pela entrada de casa, ela é essencial para a impressão que ele terá da morada – afinal, é a primeira coisa que vê quando passa pela porta.

Para ter sucesso garantido, invista em um ambiente bem iluminado, organizado e neutro – principalmente se não houver muito tempo ou dinheiro para repaginar o hall. Na dúvida, concentre seus investimentos em atualizar uma parede. Um bom arranjo tem o poder de transformar o espaço completamente!

02-halls-de-entrada-que-arrasam-na-decoracao

2- Um aroma animador

Qual é a sensação que você quer passar ao seu convidado? Pense nisso e relacione sua decisão a uma fragrância deliciosa!

O cheiro dará o tom da visita: um perfume cítrico ou de baunilha é alegre e descontraído, enquanto a lavanda é relaxante, por exemplo. Se o foco é o aconchego, experimente colocar um bolo ou biscoitos para assar um pouco antes da hora marcada para o encontro, nem que seja uma mistura pré-pronta – o cheirinho vai conquistar à todos, inclusive você, e já fará parte do café da tarde.

aroma

3- Nada de bagunça

Não seja um acumulador – além de ser ruim do ponto de vista do Feng Shui, o excesso de objetos trará uma má impressão imediata. De acordo com o site My Domaine, 73% dos agentes imobiliários dizem que a primeira questão visual notada por quem visita casas para aluguel é a existência de peças desnecessárias e décor exagerado. Com seus amigos não seria diferente!

Da decoração aos sapatos – que se você for como os japoneses, deixa na entrada de casa – , tudo deve ter um espaço específico. Falta tempo para arrumar o lar durante a semana? Mantenha alguns cestos decorativos para guardar os objetos quando tiver uma visita surpresa – mas lembre-se sempre de esvaziá-lo mais tarde, colocando tudo em seu devido lugar.

organizar

4- Tinta branca

Além de apostar nos tons certos em cada ambiente, invista em iluminação – a luz valoriza o décor e transforma, mesmo que discretamente, a cor do ambiente!

Uma queridinha universal, porém, é a cor branca: apesar de comum, o tom e suas variações é um dos mais fáceis de combinar para acertar no conforto.

cor branca

5- Atenção aos detalhes

Depois de trabalhar em uma primeira boa impressão, você precisa fazê-la durar. Não há truque melhor que caprichar nos detalhes, principalmente se o convidado dormirá em sua casa.

Uma cama feita com apreço no quarto de visitas e toalhas bem dobradas, além de ambientes com a temperatura controlada (seja por ar-condicionado ou lareiras, das fixas até portáteis) fazem toda a diferença oferecendo aconchego de sobra.

arrumar

Fonte: casaclaudia

post image

Deixe sua casa mais confortável para seu gato, sem comprometer a decoração.

Quem tem um gatinho sabe que, geralmente, eles não ligam tanto para atividades fora de casa quanto os cachorros. No entanto, adoram se enfiar em todo tipo de cantinho secreto, principalmente em lugares altos!
Por isso, por que não adaptar alguns espaços da sua casa para aumentar a qualidade de vida de seu parceiro felino?
Com um pouquinho de criatividade e investimento, você deixará sua casa mais confortável para o seu gato, sem comprometer a decoração.
Muito pelo contrário, quando bem executados, projetos de adaptação da casa para felinos darão personalidade à sua decoração.

Veja abaixo alguns exemplos que podem te inspirar:

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10

Fonte: limaonagua

post image

Combinação das Cores

Fazer combinação de cores exige bom-senso e um pouquinho de técnica. Para isso, é preciso entender sua características:

 

Para facilitar o entendimento, as cores foram colocadas lado a lado em um círculo, de acordo com suas tonalidades, formando o círculo cromático. A partir do círculo, é possível visualizar quais cores combinam melhor e são mais agradáveis ao nosso olhar. Quando é detectada uma combinação agradável a partir de cores puras, são chamadas de harmonias.

 

círculo cromáico

Características das cores

As cores primárias são o vermelho, amarelo e azul. Há ainda cores secundárias e terciárias, que são variações de tons e desdobramentos das cores primárias.

O círculo cromático também é dividido em cores quentes e cores frias. Entre as quentes estão os vermelhos, amarelos, laranjas, rosas. As cores quentes chamam a atenção e aproximam o olhar. Azuis, verdes, roxos são cores frias, são mais sóbrias, e permitem combinações cheias de elegância.

Branco, preto e cinza são consideradas cores neutras. Logo, podem servir como base para diferentes combinações.

Combinação de cores

Conheça alguns tipos de combinação de cores: monocromática, análoga, complementar e tríade.

combinação monocromática consiste em utilizar variações de tonalidade dentro da mesma cor. É uma combinação fácil e que agrada a muita gente. Pode-se acrescentar a essa combinação um tom de cor neutra, como branco, preto ou cinza. Entretanto, a combinação monocromática não apresenta contraste e não é tão vibrante como uma combinação complementar, por exemplo.

 

combinação monocromática

 

Ao utilizar uma cor primária e outras duas cores “vizinhas”, ou seja, listadas em sequência no círculo cromático, temos a combinação análoga. Uma cor domina a combinação enquanto as coadjuvantes alegram e trazem riqueza para a combinação. Um cuidado é não utilizar muitas cores nesta combinação, pois pode destruir a harmonia. Uma vantagem é que a combinação análoga é tão fácil de criar quanto a combinação monocromática, porém é muito mais bacana. Ainda assim, também como a primeira, não possui cor de contraste. Dica: evite a mistura de cores quentes e frias na mesma harmonia.

 

combinação análoga

 

Fonte: www.eduk.com.br

 

 

post image

Como montar um closet?

Ter um closet no quarto é o desejo de muitas pessoas. Se você está construindo ou reformando a casa, e deseja incluir esse cômodo no projeto, vale seguir algumas recomendações.

Faça um “inventário” de tudo que você tem para que o closet atenda a suas necessidades. Exemplo: Se você tem mais vestidos e saias e poucas calças e shorts precisará de mais espaço para os cabides ao invés de gavetas e nichos.

Hábitos também devem ser levados em conta é importante saber o que você costuma utilizar com mais frequência para acomodar esses objetos ou roupas com maior facilidade.
Caso a casa abrigue idosos ou crianças, é importante prever o acesso aos objetos de forma a evitar acidentes.
04
06

07 02 10 05

 

A profundidade do armário deve ser:

– Sem porta: 55 cm (largura do cabide com roupa);
– Com porta de abrir: 60 cm;
– Com porta de correr: 66 cm (por causa do trilho).

Para acomodar as roupas devemos considerar:

– 75 cm de altura para calceiro;
– 90 a 110 cm de altura para: camisas, ternos, paletós, blusas e jaquetas;
– Em torno de 120 cm de altura para casacos e saias;
– 140 a 160 cm de altura para vestidos e casacos longos.

Para as gavetas, o ideal é que não ultrapassem 50 cm de largura para não ficarem muito pesadas e difíceis de usar, devendo ter as seguintes alturas:

– 10 a 12 cm para bijuterias e acessórios (ideal acomodar nichos ou caixas separadoras);
– 10 a 15 cm para lingeries (com divisores internos: nichos vendidos facilmente nos mercados);
– Em torno de 18 cm para camisetas, com pelo menos 25cm de largura;
– De 12 a 20 cm para sapatos, com pelo menos 25cm de largura;
– De 35 a 45 cm para blusas e roupas de lã.

As prateleiras e os nichos também são muito práticos, podendo acomodar desde camisetas até roupas de lã, roupas de cama e de banho, além de sapatos e bolsas. Para o maleiro, deve-se considerar 45 cm de altura.

Fonte: revista zap imoveis.